Skip to main content

6 Coisas que mulheres adoram na “Hora H” mas nem sempre têm coragem de pedir

Mesmo quanto tem um parceiro fixo – algumas delas com muitos anos de casamento – muitas mulheres ainda ficam intimidadas na hora da transa por causa das pressões sociais e fatores culturais.

Quando a mulher tem vergonha de expor suas vontades e desejos na hora da cama, a satisfação plena do casal pode ficar comprometida, e por isso esse é um assunto que merece ser discutido para que as mulheres possam superar seus traumas.

Para que a mulher se sinta confortável para dizer o que gosta entre quatro paredes, é fundamental que os casais dialoguem sobre o assunto.

Por isso, se você é homem, preste bem atenção em algumas coisas que as mulheres adoram fazer na cama, mas que muitas ficam com vergonha de pedir.

Desejos secretos comuns entre mulheres

1. Muitas mulheres, por causa da pressão social, ficam com vergonha de dizer frases picantes e ousadas na hora H. Mas a maiorias delas adora escutar o parceiro verbalizando sensações e fazendo pedidos claros durante a transa.

2. Por timidez ou por medo de serem julgadas pelo homem – o que é bastante comum – muitas mulheres ficam com medo de experimentar fantasias e novos movimentos, assim como posições mais ousadas.

3. Elas têm bastante curiosidade e inclusive se excitam muito assistindo filmes pornográficos, mas elas ficam com vergonha de convidar o parceiro para uma sessão ‘caliente’ de filme para adultos.

4. As preliminares são elemento fundamental para a excitação das mulheres, que tem um tempo diferente dos homens, pois elas precisam ser mais estimuladas para chegaram ao orgasmo. O que não significa que a mulher também não goste de uma rapidinha, ainda mais quando ela tem bastante intimidade com o parceiro.

5. Não são somente os homens que gostam de variar quando o assunto é transar. As mulheres também se excitam muito quando podem experimentar novas posições e sensações na sala, na cozinha, no banheiro e em cima da mesa de jantar. Ah, elas adoram também transar no banco de trás do carro.

6. Depois do sucesso do livro 50 Tons de Cinza, o mundo descobriu os acessórios eróticos que fizeram a cabeça – me não só – da heroína da história. Por isso, dê o livro para sua parceira ler – isso se ela já não leu – e convide-a para experimentar um pouco de prazer com as bolinhas de pompoarismo, mais conhecidas como as ‘bolinhas tailandesas’.